sexta-feira, 24 de novembro de 2017

BRT PRECISA CONSTRUIR ESTAÇÃO NA ESTRADA DO GALEÃO PARA ATENDER INSULANOS

            Um dos setores públicos cujas dificuldades de operação são as mais difíceis de serem resolvidas é o da mobilidade urbana. As políticas públicas são confusas e não priorizam soluções que venham ao encontro dos interesses e problemas que os passageiros enfrentam diariamente.
           A confusão do sistema de vans, que concorre com as linhas de ônibus não sofre fiscalização correta e permanente, gerando graves irregularidades no trânsito, desconforto para os passageiros, circulam em alta velocidade e, muitas vezes usando com veículos velhos, conduzidos por motoristas inabilitados e desumanos. Não aceitam o Rio Card e evitam idosos.
               Um problema que poderia amenizar a mobilidade na região é a construção de uma estação do BRT na Estrada do Galeão, junto ao viaduto que dá acesso ao aeroporto. Aliás, no projeto inicial do BRT, linha do Aeroporto e Terminal Alvorada, na Barra, essa estação constava do projeto e foi descartada no final por razões ainda não explicadas.
             Com essa alteração a população da Ilha é obrigada a usar a estação BRT Aroldo Melodia, na Ilha do Fundão, perdendo tempo e sofrendo em deslocamentos maiores gerando inconvenientes para todos os passageiros. Até que o governo decida construir essa estação, que foi planejada para facilitar o deslocamento dos insulanos e seria o único legado das Olimpíadas para a Ilha. O tema deve ser pauta de reivindicação permanente dos fóruns populares, de cada morador ou liderança que discute com seriedade os problemas de mobilidade da nossa região.

Nenhum comentário: